quinta-feira , 29 junho 2017
Últimas Notícias
Namore Apenas o(a) Atraente. Entenda…

Namore Apenas o(a) Atraente. Entenda…

Download PDF
Quando falamos sobre relações afetivo-amorosas, uma enxurrada de calões e dedos indicadores nos atinge. Especialmente quando fugimos de algumas tradições irrefletidas que estabelecem padrões para tudo e mais um pouco. Mas, não quero entrar nesse mérito agora! O fato é que há uma confusão muito grande entre os conceitos de atração física individual e visão social de beleza (na verdade, quase não se pensa sobre isso). Aqui se trata de duas diferentes visões: a primeira é a individual, inegavelmente subjetiva e ligada à constituição psíquica, aos desejos e esperanças de cada um de nós, individualmente; a segunda visão é a social, isto é, uma representação que herdamos da sociedade em que vivemos, um modo de ver coisas e pessoas de acordo com o que ela considera normal e anormal, feio e bonito, bom e mau. Sob esse olhar, podemos perceber que estamos numa área de fogo cruzado, onde há constantemente conflitos entre aquilo que desejamos e o que a sociedade aceita. Assim, muitas vezes você pode considerar uma pessoa atraente, ao passo que os seus amigos e pais a podem ver como feia e desarrumada. Imagine-se nessa situação e então verá o quão diferentes são os termos visão social de beleza e atração física individual.Que problema! Aquilo que você pensa às vezes discorda das convicções do seu meio social. Mas, se você decidir namorar uma pessoa porque se sente atraído (a) por ela, não deve se sentir culpado (a), nem pensar que está fazendo acepção de pessoas ou sendo preconceituoso (a). Se você somente namorar uma pessoa se ela for atraente aos seus olhos, estará fazendo uma das coisas mais corretas da sua existência, pois, foi por não pensar assim que muitas pessoas se casaram com quem não consideravam atraentes, apenas por conveniência (por dinheiro, pelo desejo da família etc) e hoje são infelizes, buscando em relações extraconjugais (traições) satisfazer os seus desejos estéticos. Então, amigo (a), o desejo estético, que não deixa de ser sexual, é importante sim; isso, desde o primeiro olhar. Esse desejo sexual deve existir, mas devemos fugir das tentações e guardar o completo deleite para o casamento (se é que você me entende).Devemos, então, considerar apenas a aparência física das pessoas ao decidirmos namorar?

De maneira nenhuma! Na minha concepção, a beleza física (porque se você sente atração física por alguém, é porque essa pessoa é bonita ao seu olhar) é apenas um dos elementos a ser considerados. O outro elemento é o jeito de ser da outra pessoa, isto é, o seu comportamento, os seus pensamentos e convicções (vale citar II Coríntios 6.14). Aqui, eu sinto como necessário alertar ao leitor: “nem oito, nem oitenta!” Jamais namore uma pessoa apenas por considerá-la atraente e jamais namore alguém apenas por admirar o seu jeito de ser. Em outras palavras, se você decidir namorar alguém somente porque esse tal é inteligente, simpático, comunicativo etc e etc (ou porque esse tal é mal-educado, maldoso etc – isso acontece também!), prepare-se para ser infeliz.

O namoro e o casamento perfeitos têm o equilíbrio dos dois elementos: atração física e personalidade. Preste atenção!

Samuel Melo – Redação Jovens Adoradores

Comentários Via Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.